Semana 30 - Restaurante MonjopinaQuinta DobradaNovo CDAcademia Fitness
Festas em Juazeiro e Petrolina: o que deve mudar?

postado em 22/12/2010 às 16:56.

Juazeiro e Petrolina são palcos constantes de eventos grandiosos. Várias produtoras de festas trazem música para todos os gostos: Ivete Sangalo, Cláudia Leitte, Margareth Menezes, Aviões do Forró, Garota Safada, Black Style, Harmonia do Samba, Tomate, Parangolé, Psirico, Duas Medidas, Kid Abelha, Luan Santana, Jorge e Matheus, Victor e Leo, Paula Fernandes, Sorriso Maroto, Zezé di Camargo & Luciano, Chiclete com Banana, Asa de Águia... Muitas atrações de peso já passaram pela região.

Mas o que as pessoas acham dessas festas? O que precisa melhorar? O que está faltando? O que está aprovado? O Portal Zap foi além da cobertura das festas e resolveu saber a opinião do público. Nalva Barbosa, comerciária, que estava no Se For Beber Me Chame, no Petrolina Hall, questionou alguns pontos. "Às vezes acho os preços caros. Em Salvador, por exemplo, tem festa de camisa por R$ 50,00 a casadinha para pista. E tem outro problema: aqui, quando compramos no cartão os juros são abusivos", disse. Apesar da queixa, Nalva não perde uma festa. "Estou em todas. Aqui o que não falta é opção. Nesse aspecto a região está de parabéns".

"Quando compramos no cartão, os juros são abusivos", disse Nalva (esquerda)

Curtindo a banda Estakazero no Depósitto, no útlimo dia 18, a advogada Ladislane Paixão criticou os estacionamentos. "Tem locais que fica difícil estacionar. Além disso os flanelinhas cobram pelo uso do estacionamento e quando voltamos eles nem estão mais lá. Ou seja, o carro não está seguro. Uma vez cheguei a pagar R$ 15,00 para estacionar meu carro", lamentou. Ela também sente falta de uma casa de shows apropriada na região. "O Petrolina Hall é o maior e mais adequado espaço para grandes shows, porém fica meio distante. Em Juazeiro não existe nenhum local desse porte. O Casarão, onde já aconteceram excelentes shows, como o de Cássia Eller, está abandonado. É uma questão a ser pensada".

"Tem locais que fica difícil estacionar", contou Ladislane (direita)

Do outro lado da moeda, alguns produtores de eventos comentaram sobre o assunto. Rômulo Lustosa, da Perna-longa Entretenimento, sempre recebeu as críticas como forma de melhorar as festas da produtora. "Procuramos agradar nossos clientes. Após as festas fazemos pesquisas, questionamos nas redes sociais onde o Perna-longa Entretenimento possui conta o que as pessoas querem num evento, do que mais gostaram, enfim, essas críticas são sempre positivas, porque servem para o crescimento dos nossos eventos, para irmos melhorando e procurando acertar onde houveram erros e assim levar qualidade aos nossos foliões", contou. "Com relação a uma casa de show com grande estrutura, essa dificuldade não é encontrada apenas aqui em Petrolina e Juazeiro. Nossa região não possui ainda um local que comporte nossos eventos que cada vez mais se tornam maiores. O público vem aumentando a cada dia. Essa dificuldade não é apenas do Perna-longa. Possuímos o Depositto Dancing, que agora aumentou sua estrutura. Também temos o Iate Clube, Trevo, Nossa Casa, e todas essas casas de shows têm dificuldades com relação a estacionamento. O problema é geral", concluiu.

Xênia Lima, da X Produções, considera justos os preços dos ingressos. "Ou a gente cobra um valor mais elevado para trazer grandes shows para a região ou não trazemos. Sempre queremos grandes atrações, o que demanda um investimento enorme", disse. Quanto aos estacionamentos, ela sabe que a falta de segurança é um problema. "Os estacionamentos de vários locais, não só de Petrolina e Juazeiro, mas em muitas capitais, não são seguros. O Chevrolet Hall em Recife, por exemplo, é a maior casa de shows do Brasil e não tem um bom estacionamento". Sobre os engarrafamentos nos dias de festas, bastante comentados no Portal Zap, Xênia diz que sempre vão ocorrer. "Não tem como um grande evento não ter dificuldade em achar uma vaga para estacionar e até mesmo para dirigir. No Se For Beber Me Chame, que aconteceu no último dia 17, eram cerca de 11 mil pessoas. Aí sempre engarrafa", contou. Xênia considera o Petrolina Hall e o Iate Clube, em Petrolina, e a Nossa Casa e o Country Clube, em Juazeiro, ótimas casas de shows. "A região está bem servida com esses espaços". Sempre ligada no Portal Zap, ela sempre atenta para a opinião do público para melhorar a qualidade dos eventos da X Produções. "A gente procura saber o que o povo fala. No mural de recados do Zap sempre tem comentários após as festas. E críticas construtivas são bem vindas", concluiu.

Das 50 pessoas ouvidas na pesquisa, em dois eventos de Juazeiro e Petrolina, cerca de 80% mencionaram a questão dos estacionamentos e quase metade reclamou dos preços dos ingressos. Em Juazeiro, praticamente todos as pessoas ouvidas disseram que há necessidade de uma nova casa de shows na cidade. Outros problemas apontados apareceram em menor escala. E você? Quais as suas sugestões para melhoria dos eventos na região? O que você acha que tem que mudar? O que você aprova? Dê sua opinião aqui no Portal Zap.



Glauber Dantas - Redação Portal Zap
Obs.:Os recados abaixo exprimem as opiniões dos internautas e são de inteira responsabilidade do autor do comentário,não tendo nada a ver com a equipe deste site. Este espaço é democrático e serve para discussão de ideias. Favor não usar palavras de baixo calão e nem ofensas a terceiros. O comentário poderá ser retirado do ar.
© Copyright 2004, Portal Zap - Rua Marechal Floriano Peixoto, 73 - Centro / Juazeiro - Ba
Fone: (74) 3613-3479 / (74) 8808-8795