Atleta da Bono Tênis está na final no torneio do Alphaville em Petrolina

13062192_1161518703900875_5237128046120859871_n

Bruno Lopes em ação na Copa Alphaville

Desde o início do mês está sendo disputada em Petrolina, a Copa Alphaville de Tênis, categoria C. O evento que está em sua segunda edição conta com atletas da Academia Bono Tênis, são eles, Bruno Lopes, Francisco Medeiros e Marcus Santos.

Com a final marcada para acontecer no próximo domingo, 24, o atleta Bruno Lopes irá representar a academia na final. Bruno venceu Felipe Zoby (Alphaville) na semifinal e irá disputar a decisão contra Carlos Macedo, atleta do Country Club.

Vale a torcida!!!

Mais

Academia Bono Tênis promove torneio em equipe; Inscreva a sua:

01158948-0c59-4ee7-9e0d-246f1137b23f

A academia Bono Tênis, com sede no Iate Club em Petrolina, promove entre os dias 26 e 28 de maio, o Carrancas Open, primeiro torneio em equipe da região.

O evento funcionará da seguinte forma: Cada equipe contará com três jogadores, um de cada categoria. Cada categoria disputará entre si, e terá ainda uma partida de dupla. A somatória dos quatro confrontos dará a vitória a uma das equipes, ou seja quem somar mais pontos durante os quatros jogos, passará de fase.

Se você curtiu a ideia, faça logo sua inscrição até o dia 21 de maio no valor de R$ 100,00 por equipe.

Para entender mais sobre o Carranca Open, CLICA AQUI e confira o regulamento.

Mais

Comete erros bobos nas suas partidas? Saiba como evitá-los:

erroboborevO que podemos chamar de “erro bobo”? Por que chamá-lo assim? Será que é bobo mesmo? Bobo para quem? Em quadra, o erro bobo é considerado um erro não forçado, ou seja, uma bola fácil que o adversário jogou e que se errou ao tentar devolvê-la.

Para falar em erro bobo, devemos pensar em níveis de tênis para depois classificar uma bola como erro bobo ou não. Para um principiante, o erro bobo é aquele em que praticamente não existe dificuldade como, por exemplo, uma bola parada, sem movimentação de pernas, só com o movimento do golpe e, ao executar, a bola é jogada na rede ou para fora.

Já para um jogador de nível intermediário, o erro bobo seria uma direita no meio da quadra que vai direto na rede ou no alambrado. E, para um jogador profissional, seria uma direita no fundo da quadra, após um rali, que termina na rede ou sai alguns centímetros na linha de base.

Quão bobo é o erro?
Além disso, a percepção do erro para quem joga é muito diferente da percepção do erro de quem assiste à partida. Só o jogador sabe o esforço que faz. Só o jogador conhece a dificuldade de determinado golpe ou jogada. Portanto, é um parâmetro subjetivo. Talvez pudéssemos utilizar uma escala, tal qual a Escala de Borg (uma tabela criada pelo fisiologista sueco Gunnar Borg para a classificação da percepção subjetiva do esforço), que quantificasse o nível do esforço/dificuldade e assim qualificar a bola como fácil, de dificuldade média, difícil e muito difícil. Julgar é sempre complicado. Só quem realmente joga conhece a dificuldade da bola que enfrentou e da bola que devolveu para o adversário.

Erro bobo determinante
Mas o fato é que o diferencial numa partida está na quantidade de erros não forçados. Ganha geralmente quem comete menos erros não forçados, quem erra menos “bolas bobas”. E isso é pertinente a todos os níveis, desde o iniciante até o profissional.

Muitos tenistas se preocupam com as bolas vencedoras, os “winners”, as jogadas que definem os pontos. É claro que a satisfação de matar um ponto, ou seja, de não dar ao adversário a capacidade de resposta é ótima; porém, na prática, isso acontece em 10% do jogo ou muito menos dependendo do nível dos tenistas. Na final do Australian Open 2016, por exemplo, menos de 32% dos pontos foram vencidos com winners. Em compensação, mais de 47% foram frutos de erros não forçados.

Possíveis soluções

O que podemos fazer para não cometer erros bobos?

1. Treinar
Manter uma frequência nos treinos, repetindo os golpes com as variações que acontecem nos jogos.

2. Focar
Manter a concentração e a atenção em cada bola, em cada jogada e em cada ponto. Não pensar à frente.

3. Controlar
Manter o controle da mente. Baixar o nível da ansiedade e procurar o equilíbrio.

4. Pensar positivo
Não ter medo de errar. Manter o pensamento positivo no sentido de se sentir capaz e acreditar que pode vencer.

Em um esporte tão complexo como o tênis, seria interessante falar de forma mais cuidadosa sobre bola fácil, ou “erro bobo”. Talvez falar de “bola boba” entre aspas, por que, às vezes, de boba ela não tem nada. Como diz o ditado “falar é fácil, fazer é que é difícil”. Sendo assim, convidamos quem fala muito a fazer, a praticar e a jogar tênis para, de verdade, sentir e qualificar a variedade de bolas e jogadas inerentes ao jogo.

Fonte: Revista Tênis

Mais

Artur Lamas acaba de jogar a final de seletiva, veja como foi:

artlamas

Artur Lamas, da Bono Tênis, fez bonito em João Pessoa/PB na seletiva nordeste do Circuito dos Correios. Lamas chegou à final neste sábado e jogou contra o número um do Brasil, Aécio Fontes.

81a769f2-d3f2-4e54-ad8d-3a07571d3174

Mesmo com boa campanha e desenvolvendo um bom jogo, Artur perdeu por 2 sets a 0, com parciais de 0/6 e 2/6. O atleta de Petrolina, mesmo com a derrota, conseguiu vaga para o Circuito dos Correios, importante evento do cenário nacional de tênis.

Mais

NA FINAL!!! Artur Lamas vai disputar o título em seletiva

349ab486-2ded-4480-9144-77e25a25469c

Artur Lamas, atleta da Bono Tênis, acaba de garantir vaga na final da seletiva nordestina do Circuito Nacional dos Correios. Isso mesmo, o garoto venceu Renato Fonte por 2 sets a 0 com parciais de 6/1 e 6/3 e pode garantir mais um título.

Após essa importante vitória, Artur mal terá tempo para comemorar. É que a final já é neste sábado as 15h30min contra nada mais, nada menos que ou o número um do Brasil ou o número quatro, é mole?.

Estamos na torcida!!! Veja abaixo o match point na semifinal:

Mais

Atleta da Bono Tênis, Arthur Lamas vence e garante vaga na semifinal em seletiva

621036db-ac98-49df-b723-eddeb412539b

Arthur Lamas em quadra hoje pela manhã

O talentoso Arthur Lamas, atleta da Bono Tênis, está disputando em João Pessoa a seletiva nordestina do Circuito Nacional dos Correios e hoje no final da manhã, enfrentou seu primeiro adversário.

298026ed-c283-49c0-b78e-e1c3710eb322

Adalberto Bono ao lado de seu pupilo Arthur Lamas após o jogo de hoje

Arthur venceu no terceiro set, o recifense Diogo Liotti por dois sets a um, com parciais de 6/3, 4/6 e 7/5 e garantiu vaga na semifinal que será disputada neste sábado. Veja abaixo o match point de Arthur:

Mais

Atleta da Bono Tênis está em João Pessoa para disputa de importante competição

d08c0bac-3dd6-4d6a-92eb-a98b3a376f9b

Adalberto Bono (Treinador), Arthur Lamas e Alexandre Lamas (Pai)

A academia Bono Tênis está com um representante em João Pessoa para uma importante competição do cenário nacional. Se trata da seletiva nordestina do Circuito Nacional dos Correios e o Arthur Lamas, destaque em diversas competições pelo Brasil, está na disputa.

Arthur terá seu primeiro jogo amanhã, sexta-feira (01). Vale a torcida!!!

Mais

Saiba qual o melhor jogo da Copa Bono Tênis e o vencedor da promoção:

IMG_20160312_104722

A Copa Bono Tênis deixou saudades para os tenistas da região. Muita emoção e jogos de alto nível marcaram a competição.

A organização do torneio, pensando em valorizar isso, lançou uma promoção especial, perguntando aos amantes da modalidade e aos próprios competidores, qual jogo teria sido o melhor do torneio. A disputa estava entre Lauro e Flavio de Juazeiro do Norte na categoria A, Tiago e Rozzanno na categoria B e Carlos Macedo contra Bruno Lopes na categoria C.

Para quem participasse da votação, a organização do torneio iria sortear prêmios, um encordoamento de raquete e uma camisa personalizada Bono Tênis. Vamos saber o resultado?

O jogo mais quente do torneio e que teve a maioria dos votos foi a vitória de Tiago contra Rozzano, num jogaço de quase 3 horas. Com certeza mereceu a votação.

FB_IMG_1458700851480-768x768

Rozzano de azul e Tiago, vencedor, de verde

O sortudo comentarista que levou os prêmios foi Carlos Arthur de São Raimundo Nonato. Olha só comentário dele abaixo:

comentario

 

Mais

Opine e ganhe prêmios: Qual o melhor jogo da Copa Bono Tênis?

tenisok

Categoria A: Lauro e Flavio – Jua Norte
Jogaço de alto nível. Os dois atletas mostraram o que tinham de melhor dentro de quadra e protagonizaram uma bela partida

 

FB_IMG_1458700851480

Categoria B:Tiago e Rozzanno?
Jogo digno de uma final. Este jogo da categoria B teve duração de aproximadamente três horas.

 

93941064-9103-44f8-bc08-5878ab493004

Categoria C: Carlos Macedo e Bruno Lopes?
O jogo foi duro do começo ao fim. O único jogo da categoria C que foi para o Tie Break.

—-

CLIQUE NO BOTÃO MAIS, opine abaixo nos comentários e concorra a Um encordoamento de raquete e UMA camisa personalizada Bono Tênis. Deixe seu nome e telefone para contato junto com a resposta. Promoção válida até segunda, dia 28/03/2016

Mais